quarta-feira, 2 de abril de 2014

O teatro veio à Biblioteca Escolar...

No passado dia 7 de março, os alunos do 5ºD e do 5ºE assistiram à representação do texto dramático O Príncipe Nabo, de Ilse Losa, pela companhia de teatro Atrapalharte.


Todos se sentiram em pleno ambiente de corte e felicíssimos por terem conhecido a Aurora, a princesa Beatriz, o Rei, os pretendentes da princesa (em especial, o Príncipe Nabo; em dado momento, assumindo-se como o músico António) e o Marechal da Corte. E quem diria que, entre a plateia, estariam um príncipe pretendente, uma bailarina, os “meninos” das alianças, o sacristão, a mãe do Príncipe Nabo e a Rainha (mãe de Beatriz)?! Não acreditam?! Ora, vejam:




E ainda assim:



E as surpresas continuaram:









Eis os testemunhos dos alunos:

5.ºD

Esta atividade contribuiu para desenvolvermos o gosto pelo teatro.
Afonso Oliveira

Foi uma experiência espetacular. Ficámos a conhecer uma obra que iremos estudar brevemente. Os atores eram bons e adorei a forma como interagiram com o público.
Baltasar Fonseca

Foi uma forma interessante e divertida de ficar com uma ideia da obra que vamos estudar.
Miguel Moura

Gostei das piadas que os atores introduziram na peça, muito atuais!
João André Silva

“O Príncipe Nabo” é uma obra que vamos ler, portanto, foi uma boa ideia representá-la.
Luís Henriques

Ontem, os alunos do 5.º ano tiveram uma tarde diferente. Os nossos professores proporcionaram-nos um teatro espetacular.
Afonso Correia

Os atores apresentaram um espetáculo diferente e inovador. Gostei muito da atividade e acho que valeu a pena assistir a esta peça do grupo ATRAPALHARTE.
Pedro Gaspar

Gostei muito da peça e acho que devíamos assistir a outras na disciplina de Português.
Nicole Neves

Adorei esta dramatização. Aprendi que não devemos troçar dos defeitos dos outros.
Lília Carvalho

Esta atividade foi importante, porque ficámos a conhecer a história de uma maneira divertida, já que, durante a peça, nos rimos e estávamos animados.
Maria Carolina Vaz

Eu gostei e fiquei com curiosidade em ler a obra. Valeu a pena!
João Francisco Pereira

“O Príncipe Nabo” ensinou-me que não devemos pôr de lado as pessoas só por elas não serem bonitas.
Gabriela Ferreira

Esta representação foi uma forma de me motivar para a leitura do livro. Gostei muito do bobo da corte!
Duarte Pereira


Gostei muito da peça, principalmente porque participei nela!
Diogo Sequeira

A história ensina-nos que não devemos troçar das pessoas.
Maria Inês Ferreira


5.º E

Foi muito divertido, gostei muito. Se pudesse, voltava a assistir à representação.
Márcia Couceiro

Foi educativo, porque deram a oportunidade a alguns de nós de viver a experiência de ser ator.
Paulo Balhau

Gostei porque os atores eram divertidos .
Tomás Veríssimo

Foi uma ideia muito interessante o teatro ter sido interativo. Há poucos teatros assim.
Diogo Marques

Pelo título, pensei que uma das personagens era um príncipe vestido de nabo e que o teatro ia ser uma “seca”, mas foi espetacular.  A minha parte favorita foi quando o príncipe Nabo e a princesa Beatriz iam para dar um beijo e deram-no ao padre.
João Diogo Fernandes

A peça mostrou bem por que razão não devemos troçar dos outros.
Rita Ramalho

Achei o teatro muito divertido e, ao mesmo tempo, educativo, pois irá tornar o estudo do livro mais fácil.
Beatriz Barroco

Foi uma tarde bem passada com os atores do grupo ATRAPALHARTE , e com os professores e colegas a serem atores.
Ana Rita leal Dias

Gostei muito da história, porque tinha muitas personagens: a empregada, o cozinheiro, o bobo, o Marechal da Corte, o rei, o príncipes e a princesa Beatriz.
Adriana Coutinho

Foi uma boa maneira de conhecer a história.
Beatriz Silva

O teatro teve umas cenas mais interessantes do que outras, mas posso dizer que foi um bom teatro.
João Costa

Além de me ter divertido, aprendi que não devemos fazer troça dos outros.
Rita Mateus

Gostei muito daquela parte em que o cozinheiro batia com a colher na panela e falava espanhol.

Jéssica Tomasini

Nenhum comentário: