segunda-feira, 31 de maio de 2010

Dia da Criança – Poesias da Escola Ribeira de Frades

Dia 1 de Junho é o dia da Criança. Infelizmente, temos de relembrar que muitas crianças ainda têm fome; não vão à escola; não têm tecto para dormir; são exploradas e nunca tiveram direito a uma palavra carinhosa…


O Dia da Criança,
é para comemorar,
os direitos da Criança,
que são para respeitar.

As crianças passavam,
horas e mais horas a trabalhar,
o Dia da Criança serve,
para com esse sofrimento acabar!

Não era justo,
as crianças explorar,
porque não passam de crianças,
que têm o direito de sonhar.

As crianças,
têm o direito de sonhar,
as crianças,
têm o direito de rir e brincar.

As crianças,
têm de aproveitar,
o Dia da Criança serve para isso mesmo,
serve para nos alertar,
que crianças passam fome,
temos de as ajudar,
porque algumas crianças têm,
de a família sustentar.

Podíamos ser uma dessas crianças,
por isso temos de contribuir,
como ficavas se trabalhasses dezoito ou vinte horas ao dia?
Nem vamos discutir!

Soraia Santos
Turma D 4º ano
EB1 de Ribeira de Frades


O Dia da Criança

É Dia da Criança,
Temos o direito à liberdade,
Muito amor e alegria,
Como merece a humanidade.

Aquelas crianças que são,
Na China escravizadas
Trabalham duramente
Sem receber nada.

Para algumas crianças esses dias
De sofrimento e tristeza.
São os piores dias delas
Disso tenho a certeza!

Essas crianças,
Têm tantos direitos como nós
Mas não têm esperança
Que podem vir a ter uma vida melhor!


Miguel Jorge Teles Mateus 4ºAno
EB1 de Ribeira de Frades Turma D

quarta-feira, 19 de maio de 2010

Escritor Soeiro Pereira Gomes

Soeiro Pereira Gomes

Exposição do escritor Soeiro Pereira Gomes

Implantação da República

Implantação da República

Exposição do Centenário da República na Casa Municipal da Cultura

AGRUPAMENTO DE ESCOLAS DE TAVEIRO
BIBLIOTECA ESCOLAR


No dia 17 de Maio, pelas 14.30h, na galeria Pinho Dinis da Casa Municipal da Cultura de Coimbra, foi inaugurada a exposição dos trabalhos produzidos pelos alunos das escolas do Concelho, no âmbito da Comemoração do Centenário da República (uma actividade dinamizada pela Rede de Bibliotecas de Coimbra). Os nossos alunos também realizaram trabalhos muito interessantes que merecem uma pequena visita!
Conforme consta do PROGRAMA, será igualmente inaugurada a exposição " 5 de Outubro de 1910", gentilmente cedida pela Fundação Mário Soares, que dá entrada à exposição dos trabalhos produzidos nas escolas.

O CARTAZ de abertura foi elaborado por uma aluna da Escola Secundária Quinta das Flores.

A EQUIPA DA BIBLIOTECA

quarta-feira, 5 de maio de 2010

Encontro com a escritora Ana Saldanha

No passado dia 23 de Abril de 2010, acompanhados pelas professoras Zélia Gil, Alcina Pires e Catarina Duarte, deslocaram-se à Casa Municipal da Cultura de Coimbra, os alunos do 7º ano para um encontro com a escritora Ana Saldanha.
Os alunos dramatizaram um pequeno excerto e elaboraram um texto com fundo musical sobre a obra A Princesa e o Sapo. Foi igualmente apresentado um resumo e um fim alternativo à obra Um Espelho só Meu.
Ana Saldanha
1. Biografia
Ana Saldanha nasceu no Porto em 1959.
Formou-se em Línguas e Literaturas Modernas (variante de Estudos Portugueses e Ingleses) em 1981, na Faculdade de Letras da Universidade do Porto.
Em 1992 fez o Mestrado em Literatura Inglesa em Birmingham e em 1999 doutorou-se em Literatura Infantil Inglesa e Teoria da Tradução na Universidade de Glasgow.
Participou e apresentou comunicações em congressos no âmbito da Literatura Infato-Juvenil.
Ganhou o Prémio Literário Cidade de Almada com o seu romance Círculo Imperfeito.
Tem-se dedicado também à tradução.
É maioritariamente conhecida como autora de livros para jovens, domínio em que se afirma como uma das vozes mais seguras e promissoras do panorama português contemporâneo.

2. Algumas Obras Publicadas
1994 - Três semanas com a avó, romance juvenil, Verbo
1995 - Círculo imperfeito, romance, Presença
1999 - Cinco tempos, quatro intervalos, novela juvenil, Caminho
2002- Um Espelho Só Meu. Colec. «Era uma Vez… Outra Vez» Caminho.
2002- Uma Questão de Cor. Colec. «Livros do Dia e da Noite». Lisboa: Caminho.
2004- A princesa e o sapo. Colec. «Era uma Vez… Outra Vez»/5. Lisboa: Caminho.
2004 - O Pai Natal preguiçoso e a rena Rodolfa, conto infantil, com ilustrações de Alain Corbel, Caminho
2006 - O Sam e o Som - Sam and Sound, conto infantil bilingue, em co-autoria com Basil Deane, ilustrações de Gémeo Luís, Caminho
2007 - Mais ou menos meio metro…, poesia para crianças, ilustrações de Gémeo Luís, Caminho



terça-feira, 4 de maio de 2010

Exposição "25 de Abril"

Está a decorrer, na Biblioteca, até ao dia 7 de Maio, uma Exposição sobre o 25 de Abril com materiais elaborados pelos alunos do professor Fernando Teixeira, da disciplina de EVT.