quinta-feira, 13 de novembro de 2014

Autora do Mês: Sophia de Mello Breyner Andresen

         


         
        Sophia de Mello Breyner Andresen nasceu no Porto a 6 de novembro de 1919, no seio de uma família aristocrática. Viveu no Porto e na Praia da Granja, que a inspirou com o mar e os pinhais. 
         Frequentou Filologia Clássica na Universidade de Lisboa, que não chegou a concluir e, mais tarde, casou-se com o jornalista e político Francisco Sousa Tavares, tendo cinco filhos. Estes foram a sua motivação para a escrita de contos infantis, como "O Rapaz de Bronze", "A Fada Oriana" e "A Menina do Mar". Criada na velha aristocracia portuguesa, educada nos valores tradicionais da moral cristã, dirigente de movimentos universitários católicos, veio a tornar-se uma das figuras mais representativas de uma altitude política liberal, denunciando os falsos critérios do regime salazarista e os seus seguidores mais radicais. 
        Foi, ainda, candidata a Deputada da Assembleia Constituinte, pelo Partido Socialista, e tradutora para português de obras de Claudel, Dante, Shakespeare e Eurípedes, chegando a ser condecorada pelo governo italiano pela sua tradução de "O Purgatório". A escritora ganhou também o Grande Prémio de Poesia da Sociedade Portuguesa de Escritores, o Grande Prémio Calouste Gulbenkian de Literatura para Crianças e o Prémio 50 Anos de Vida Literária. Faleceu a 21 de julho de 2004 com 84 anos de idade.




Queres saber mais?!
Clica em:
  • Homenagem da sua filha Maria - Sophia de Mello Breyner Andresen no seu tempo. Momentos e Documentos. Seleção, conteúdos e organização por Maria Andresen Sousa Tavares

segunda-feira, 10 de novembro de 2014

Concurso de Natal


De 10 de novembro a 5 de janeiro, criativo e original: escreve o teu conto sobre o Natal!
(imagem retirada da Internet)
(imagem retirada da Internet)








REGULAMENTO
1.  Objetivos
*      O concurso “O MELHOR CONTO DE NATAL” é organizado pelas Bibliotecas Escolares do Agrupamento de Escolas Coimbra Oeste.
*  Tem como finalidade estimular a criatividade e originalidade, na modalidade de Conto, promovendo o gosto pela expressão escrita.

2.  Quem pode participar
*      Podem concorrer todos os alunos dos 1º, 2º e 3º Ciclos e Ensino Secundário.   

3.  Calendarização
*       Início: 10 de novembro de 2014
*       Prazo de entrega: 5 de janeiro de 2015

4.  Como participar
*     Os trabalhos deverão ser entregues na Biblioteca Escolar da EB 2,3 de Taveiro ou enviados pelo e-mail alcina2@gmail.com, devidamente identificados no verso da folha com o nome do estabelecimento de ensino, o ano, número, turma e nome do concorrente.

5.  Especificidades do texto a apresentar
*      Os textos terão de ser originais e individuais.
*    Cada texto não deverá exceder o equivalente a 3 páginas tipo A4,; o espaçamento é de 1,5; letra Times New Roman; tamanho 12.
*      Os contos podem ser ilustrados.
*  Os textos podem ser manuscritos (desde que numa caligrafia legível) ou escritos no computador.

6. Constituição do Júri
*    O júri será constituído por dois alunos, um professor do 1.º ciclo, uma professora de Português, a professora bibliotecária e sua equipa.

7. Vencedores
*       Serão premiados os 2 melhores contos de cada ciclo (1.º, 2.º e 3.º ciclos e Ensino Secundário) e todos os participantes receberão um Certificado de Participação.

8. Divulgação e entrega dos prémios
*   A afixação do nome dos premiados será efetuada, no final de janeiro, nos placares das bibliotecas, nos blogues da Bibliotecas e página do Agrupamento de Escolas Coimbra Oeste.
*      A entrega dos prémios aos alunos do 1º ciclo será realizada pelo professor titular de turma. No caso dos alunos dos 2.º e 3º Ciclos e Ensino Secundário, serão os professores de Português a entregar os prémios aos alunos vencedores.

              A Equipa da BE / CRE                                                   

                                                 

Feira do Livro - de 24 de novembro a 5 de dezembro

Em novembro e em dezembro, é tempo de feirar; vem à tua biblioteca: ver, ler e comprar!

(imagem retirada da Internet)